Covid-19: Operadoras reforçam apoios voluntários para aproximar idosos das famílias

As operadoras de telecomunicações portuguesas, Altice e Vodafone, reforçaram apoios voluntários no combate à pandemia Covid-19 para aproximar os idosos das famílias.

A Altice Portugal deu ‘tablets’ e serviço de dados gratuito à GNR para ajudar os militares a colocar milhares de idosos em contacto com as famílias e criou uma linha de atendimento gratuita e instalações de ‘call center’ para a iniciativa solidária SOS vizinho.

Em parceria com a Cruz Vermelha, a Altice ofereceu 10 ‘tablets’, 5 ‘hotspots’, 5 telemóveis, 5 cartões SIM para comunicações móveis e 10 cartões SIM para dados aos idosos e às famílias que não tinham meios de se manterem conectados.

Além disso, “em estreita colaboração com a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), a Altice Portugal expandiu e fortaleceu a resiliência das infraestruturas fixas e móveis das Instalações Temporárias de Acolhimento e Tratamento de Pessoas”, informou a operadora à Lusa.

A Vodafone Portugal doou equipamentos e conetividade à Santa Casa de Misericórdia de Trancoso (SCMT) e apoiou a Instituição GIRA – Grupo de Intervenção e Reabilitação Activa -, possibilitando a continuação da prestação de serviços de acompanhamento aos utentes.

“Continuamos igualmente a garantir as comunicações do lar de idosos no Sabugueiro, a aldeia mais emblemática da Serra da Estrela e que, em 2016, a Fundação Vodafone transformou na primeira Aldeia Inteligente de Montanha”, acrescentou a operadora.

A Lusa contactou a NOS, mas não obteve resposta em tempo útil.



Conteúdo Recomendado