Museu “Vilar Formoso Fronteira da Paz”

Inaugurado no Município de Almeida a 26 de Agosto de 2017, o Museu “Vilar Formoso Fronteira da Paz – Memorial aos Refugiados e ao Cônsul Aristides de Sousa Mendes” pretende relembrar o papel crucial que Portugal desempenhou no acolhimento aos refugiados durante a II Guerra Mundial.

Detalhes

O Município de Almeida criou o Museu “Vilar Formoso Fronteira da Paz, Memorial aos Refugiados e ao Cônsul Aristides de Sousa Mendes”, dedicado à passagem dos refugiados por Portugal, durante a Segunda Grande Guerra.

O museu está alojado ao lado da estação ferroviária de Vilar Formoso, ocupando dois antigos armazéns, onde são apresentados seis núcleos expositivos: “Gente como nós”, “Início do pesadelo”, “A viagem”, “Vilar Formoso – Fronteira da Paz”, “Por terras de Portugal” e “A partida”.

Vilar Formoso era a porta de entrada em Portugal, reconhecida pela sua hospitalidade. Há inúmeros testemunhos de refugiados que descrevem Vilar Formoso como um local simpático, onde os refugiados eram acolhidos com enormes panelas de sopa, pão e alojamento.

 

 

Outras Informações

Horário

Terça a sexta: 9h00 – 12h30 / 14h00 – 17h30
Sábados, Domingos e Feriados: 10h00 – 12h30 / 14h00 – 17h30
Encerrado Segundas-feiras, 1 de Janeiro, 01 de Novembro, 24 e 25 de Dezembro



Conteúdo Recomendado

Acompanhe toda a atualidade da Região! Subscreva a nossa newsletter.