Museu de Lanifícios

O Museu é constituído pelo Núcleo da Real Fábrica de Panos (séc. XVIII), o Núcleo das Râmolas de Sol e o Núcleo da Real Fábrica Veiga (sécs. XIX e XX) onde se localiza o Centro de Interpretação dos Lanifícios.

Apresentação

O Museu de Lanifícios, também designado de MUSLAN, constitui um Centro Interdepartamental da Universidade da Beira Interior, organismo com autonomia administrativa e financeira tutelado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e do Ensino Superior.

Os fios do passado a tecer o futuro é o lema do Museu de Lanifícios que, de acordo com este princípio, defende uma “conservação activa” do património que tem à sua guarda.

Outras Informações

O Museu de Lanifícios é um museu polinucleado que integra os seguintes núcleos:

  • Núcleo da Real Fábrica de Panos – Focalizado no período da pré e proto industrialização dos lanifícios (séc. XVIII).
  • Núcleo das Râmolas de Sol – Núcleo ao ar livre constituído por um conjunto de râmolas de sol e um estendedouro de lãs.
  • Núcleo da Real Fábrica Veiga / Centro de Interpretação dos Lanifícios – Sede do Museu desde 2004, com as valências de Núcleo Museológico da Industrialização dos Lanifícios (séculos. XIX e XX) e de Centro de Documentação/Arquivo Histórico dos Lanifícios.

 

Horários

Núcleo da Real Fábrica de Panos
Núcleo da Real Fábrica Veiga
Terça a domingo: 09h30 -12 horas| 14h30 – 18 horas
Núcleo das Râmolas de Sol

Acesso livre pelo exterior



Conteúdo Recomendado

Acompanhe toda a atualidade da Região! Subscreva a nossa newsletter.