Sete detidos por 197 crimes de roubo e furto a idosos em todo o país

As vítimas, na sua maioria, encontravam-se em situações vulneráveis ou a viver sozinhas.

Quatro mulheres e três homens, com idades compreendidas entre os 26 e 63 anos, foram detidos, esta quarta-feira, pela GNR, em Lisboa e Évora, pela prática de 197 crimes de roubo e furto qualificado em vários pontos do país.

Em comunicado, a força militar explica que as detenções foram levadas a cabo na sequência de uma investigação de vários roubos realizados em 13 distritos – Aveiro, Braga, Castelo Branco, Évora, Faro, Guarda, Lisboa, Portalegre, Santarém, Setúbal, Viana do Castelo, Vila Real e Viseu.

Os sete detidos são suspeitos de terem realizado “197 crimes, 63 por roubo, 102 por furto qualificado, 23 por furto simples e nove por violência após subtração”.

No geral, as vítimas foram sempre idosos, que se encontravam em situações vulneráveis ou que viviam sozinhos.

Anteriormente, a GNR, adianta, que já tinham sido detidas 14 pessoas no âmbito desta investigação, sendo que 10 se encontram em prisão preventiva e três com apresentações no posto policial da área de residência.




Conteúdo Recomendado