Reestruturação de áreas no Hospital Nossa Senhora da Assunção em Seia

De forma a cumprir o objetivo de segurança e proteção dos doentes e profissionais”.

O Hospital Nossa Senhora da Assunção, em Seia, decidiu abrir no Edifício B “Rosa”, “um local destinado aos casos suspeitos por infeção pelo Covid-19, cujo acesso se faz pela parte de trás do mesmo edifício”.

A Unidade Local de Saúde da Guarda, que gere aquela unidade hospitalar, refere em comunicado que a medida foi tomada “no seguimento da atual pandemia por Covid-19 e das orientações da Direção-Geral da Saúde e do Ministério da Saúde” em que “há necessidade de garantir uma efetiva separação dos doentes com suspeita por Covid-19 dos restantes, de forma a cumprir o objetivo de segurança e proteção dos doentes e profissionais”.

Segundo a fonte, o Hospital Nossa Senhora da Assunção “lamenta qualquer constrangimento ou incómodo que estas medidas possam causar aos doentes e profissionais, mas é a melhor forma de minimizar o risco”.




Conteúdo Recomendado