Rede Ibérica de Entidades Transfronteiriças defende a elaboração de um novo tratado bilateral Espanha-Portugal

A sessão pretendeu analisar propostas a apresentar aos governos de Portugal e Espanha com grande enfoque nos problemas que impedem o desenvolvimento da zona de fronteira.

Os dirigentes municipais, empresariais e académicos da fronteira hispano-portuguesa, integrados na Rede Ibérica de Entidades Transfronteiriças (RIET) reuniram, ontem, em Assembleia Geral, no Fundão. A iniciativa pretendeu analisar as ações propostas a ambos os governos para serem debatidas na próxima Cimeira Ibérica, no dia 21 de Novembro em Valladolid e que envolvem soluções para os problemas que impedem o desenvolvimento na fronteira.

Entre essas propostas, foram analisadas medidas de combate a incêndios, contidas num documento elaborado pelo Eixo Atlântico, membro da RIET, refere uma nota informativa.

Esta sessão foi realizada com o objetivo de analisar propostas a apresentar aos governos de Portugal e Espanha com grande enfoque nos problemas que impedem o desenvolvimento da zona de fronteira.

Entre as soluções que a RIET quer ver concretizadas estão, por exemplo, os investimentos na rede de infraestruturas ferroviárias e em algumas rodoviárias, além das “políticas públicas” com vista à dinamização demográfica, “Espanha e Portugal mantêm a fronteira mais longa e estável da Europa, o que exige uma dupla diplomacia: a tradicional entre os dois estados e uma específica de fronteira que contempla os problemas da população residente neste território” refere a mesma fonte.

Neste espaço existem limitações, mas também oportunidades de colaboração, em assuntos relacionados com transporte, planeamento conjunto de saúde, partilha de recursos educacionais ou combate conjunto contra incêndios, acrescenta.

Neste sentido, na sessão todos os participantes concluíram que para defenderem os objetivos enumerados “requerem a elaboração de um tratado bilateral adequado como propõe a RIET no documento que foi enviado a ambos os governos”.

Recorde-se que a Rede Ibérica de Entidades de Cooperação Transfronteiriça (RIET) é um projeto nascido em 2009, constituído por organizações municipais, empresariais e educativas perto da fronteira de Espanha e Portugal. A RIET foi criada com o objetivo de promover a cooperação transfronteiriça, o desenvolvimento socioeconómico nos territórios fronteiriços e estabelecer-se como uma comunidade única de interesse perante os governos da Espanha, Portugal e União Europeia.

Atualmente, a RIET é constituída por 8 associações empresariais, 8 entidades transfronteiriças e 10 universidades ao longo de toda a fronteira entre Espanha e Portugal.

Mais informação AQUI




Conteúdo Recomendado