Prisão preventiva para suspeito de violência doméstica no Sabugal

O Tribunal Judicial da Guarda aplicou a medida de coação de prisão preventiva a um homem de 62 anos, pela alegada prática do crime de violência doméstica, no concelho do Sabugal, foi hoje anunciado.

Segundo uma nota do Comando Territorial da GNR da Guarda, o homem foi detido na quarta-feira, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas, no âmbito de uma investigação por violência doméstica.

De acordo com a fonte, “os militares apuraram que o suspeito agredia a sua esposa, de 63 anos, de forma reiterada e constante, tendo sido dado cumprimento a cinco mandados de busca e um mandado de detenção, que resultou na detenção do agressor e na apreensão de uma arma de ar comprimido e [de] 30 cartuchos”.




Conteúdo Recomendado