“Pequenos descuidos, grandes incêndios”. O alerta da GNR devido ao calor

Devido ao aumento do risco de incêndio por todo o país, a GNR alerta a população para os cuidados a ter nos espaços florestais e agrícolas.

Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou dezassete distritos do país sob aviso amarelo, na quarta e quinta-feira, devido à previsão de tempo quente.

Como já vem sendo habitual, calor é sinónimo de incêndios florestais e, por essa razão, a GNR recorreu às redes sociais para chamar a atenção de todos os portugueses.

Relembrando que ainda decorre o “período crítico do Sistema de Defesa da Floresta”, a GNR enumera as proibições que estão em vigor nesta fase, tanto em espaços florestais, como em espaços agrícolas.

Assim, não se esqueça que nestes locais não é permitido “fumar, fazer lume ou fogueiras; fazer queimas ou queimadas; lançar foguetes e balões de mecha acesa e fumigar ou desinfestar apiários, salvo se os fumigadores estiverem equipados com dispositivos de retenção de faúlhas”.

Proibido é também circular em zonas florestais e agrícolas com tratores, máquinas e veículos de transporte pesados que não possuam extintor, sistema de retenção de fagulhas ou faíscas e tapa chamas nos tubos de escape ou chaminés”.

GNR lembra ainda que, caso decida fazer um piquenique, deve levar a comida já preparada, uma vez que é “proibida a realização de fogo para a sua confeção

“O seu papel para a proteção da nossa floresta é decisivo”, destaca aquela força de segurança.




Conteúdo Recomendado