Orquestra de Sopros Portuguesa está a nascer em Fornos de Algodres

Trata-se de um projeto musical inovador para a região e para o país, fruto de uma organização da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Fornos de Algodres, que já há alguns anos a esta parte tem vindo a promover atividades várias no campo da formação musical, em parceria com a Câmara Municipal de Fornos de Algodres.

O projeto denomina-se “Orquestra de Sopros Portuguesa” (OSP) e pretende deste modo, ser uma referência, um exemplo e um estímulo para outros agrupamentos, bem como para os jovens instrumentistas desta área. Inclui, para além de uma orquestra semi-profissional, uma academia de direção de banda, denominada “Academia Europeia de Direção de Banda”, com um corpo docente internacional de reconhecido valor, Javier Viceiro, Jan Cober e António Cantal, bem como a Academia de Música de Fornos de Algodres. A OSP irá oferecer ao público em geral, um grupo de sopros versátil de qualidade profissional, capaz de abarcar diferentes áreas e estilos musicais, um agrupamento capaz de realizar programas de ópera, bailado, concertos sinfónico, concertos sinfónico-coral, música de câmara, entre outros.




Conteúdo Recomendado