Oleiros disponibiliza apoio especializado a vítimas de violência doméstica

Trata-se de uma estrutura gerida pela Amato Lusitano – Associação de Desenvolvimento (ALAD), com sede em Castelo Branco, que apoia as vítimas de violência, prestando-lhes serviços gratuitos e confidenciais através de técnicos especializados.

Câmara de Oleiros tem disponível uma estrutura de atendimento a vítimas de violência doméstica.

O Município de Oleiros explica que todas as terceiras quintas-feiras de cada mês, entre as 14 e as 16 horas, “a Estrutura de Atendimento a Vítimas de Violência Doméstica – Castelo Branco (EAVVD-CB) está disponível” nas instalações da autarquia para prestar apoio aos seus munícipes.

“A EAVVD-CB disponibiliza apoio psicológico e social, informação jurídica, ações de informação e ações de sensibilização, de forma gratuita e confidencial”, lê-se em comunicado.

Trata-se de uma estrutura gerida pela Amato Lusitano – Associação de Desenvolvimento (ALAD), com sede em Castelo Branco, que apoia as vítimas de violência, prestando-lhes serviços gratuitos e confidenciais através de técnicos especializados.

Em 2006, entrou em funcionamento, assumindo uma lógica de trabalho em rede com a articulação de várias entidades públicas e privadas nacionais e locais.

Fruto de uma parceria estabelecida entre a autarquia de Oleiros e a ALAD, os munícipes oleirenses têm à sua disposição esta estrutura de apoio à vítima de violência doméstica.



Conteúdo Recomendado