Município de Pinhel garante o acesso a medicamentos a pessoas carenciadas

Na próxima terça-feira, dia 30 de janeiro, o Município de Pinhel e a Associação Dignitude vão celebrar um protocolo que visa garantir o acesso de medicamentos a pessoas carenciadas.

Recorde-se que a Associação Dignitude é uma Instituição Particular de Solidariedade Social que nasce da parceria entre o secor social (Cáritas Portuguesa e Plataforma Saúde em Diálogo) e o setor da saúde (Associação Nacional das Farmácias e Associação Portuguesa da Indústria Farmacêutica), tendo por missão o desenvolvimento de programas solidários de grande impacto social, que promovam a qualidade de vida e o bem-estar dos portugueses.

Foi neste contexto que surgiu o Programa abem – Rede Solidária do Medicamento, que pretende garantir que todos os portugueses têm acesso aos medicamentos de que precisam.

Além de pessoas carenciadas, o programa pretende também abranger casos de inesperada carência económica decorrentes de situações de desemprego repentino ou de confronto com doença incapacitante, entre outros casos a analisar.

Ciente da realidade socioeconómica do concelho de Pinhel e de que existem de facto pessoas cujos parcos rendimentos podem dificultar ou impedir o acesso aos medicamentos de que precisam, o Município de Pinhel decidiu aderir ao Programa abem – Rede Solidária do Medicamento.

Esta adesão vai ser formalizada através de protocolo a celebrar com a Associação Dignitude, na próxima terça-feira, dia 30 de janeiro, pelas 11 horas, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Pinhel.



Conteúdo Recomendado