Município da Guarda adere à Hora do Planeta 2018

A iniciativa que acontece no próximo dia 24 de março, às 20h30, tem como propósito o envolvimento da sociedade no maior movimento contra o aquecimento global

A Hora do Planeta é uma iniciativa global ambiental promovida em parceria com a “World Wide Fund for Nature” (WWF), que acontece no próximo dia 24 de março, às 20h30, e que tem como propósito o envolvimento da sociedade no maior movimento contra o aquecimento global.

O Município da Guarda aceitou mais uma vez o desafio e no dia indicado, entre as 20h30 e as 21h30, as luzes do edifício dos Paços do Concelho e do Paço da Cultura serão desligadas.

Trata-se de uma ação a que municípios, empresas e cidadãos de todo o mundo podem aderir desligando as suas luzes durante uma hora no sábado, dia 24 de Março de 2018, às 20h30, juntando-se desta forma àquela que é uma das maiores campanhas ambientais do mundo, que mobiliza atualmente milhares de milhões de pessoas em mais de 9.000 cidades e vilas de 178 países e territórios incluindo Portugal.

Em 2017, em Portugal, aderiram 140 municípios e centenas de monumentos emblemáticos nacionais ficaram às escuras durante 60 minutos, como foi o caso da Ponte 25 de Abril, do Mosteiro dos Jerónimos, do Cristo Rei, da Ponte D. Luís, do Santuário do Bom Jesus, entre muitos outros.

Como uma das primeiras ações acerca das alterações climáticas, a Hora do Planeta tem crescido a partir de um evento simbólico realizado em 2007 numa única cidade, Sydney (Austrália), para o maior movimento do mundo em defesa do ambiente.

Em 2018, a Hora do Planeta pretende aproveitar o poder dos seus milhões de adeptos em todo o mundo para mudar o rumo das alterações climáticas, através da reflexão e mudança de atitude.

Mais informações sobre esta ação, em: www.wwf.pt




Conteúdo Recomendado