Mulher detida por suspeita de sequestro e coação

Segundo a PJ, a detida, com 51 anos, vai ser presente às competentes autoridades judiciárias, para efeitos de primeiro interrogatório judicial e aplicação de adequadas medidas de coação.

A PJ anunciou a detenção de uma mulher pela presumível prática de vários crimes, como sequestro e coação agravada sobre uma mulher de 89 anos, cometidos em dezembro de 2016, no concelho da Covilhã.
Em comunicado enviado à agência Lusa, o Departamento de Investigação Criminal da PJ da Guarda diz que a suspeita e a vítima são da mesma família e que os crimes tinham como objetivo levar a idosa a alterar o testamento.
“A vítima terá sido surpreendida no interior da sua própria residência, onde a ora detida a tentou imobilizar e tornar inconsciente, a fim de obter a anuência da mesma para a alteração de anterior testamento por si produzido”, refere o comunicado.
Segundo a PJ, a detida, com 51 anos, vai ser presente às competentes autoridades judiciárias, para efeitos de primeiro interrogatório judicial e aplicação de adequadas medidas de coação.



Conteúdo Recomendado