Incêndio no Sabugal dominado, um bombeiro com ferimentos ligeiros

O incêndio que consumiu ontem uma zona de mato no Sabugal, no distrito da Guarda, ficou dominado ao fim de seis horas e causou ferimentos ligeiros num bombeiro, disse fonte do Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS).

O fogo, ativo desde as 15h14 de dia 1 de setembro,  “está dominado e ainda não entrou em fase de rescaldo”, afirmou a mesma fonte à agência Lusa.

Segundo o CDOS da Guarda, o fogo provocou ferimentos ligeiros num bombeiro da corporação da Guarda, que foi reencaminhado para o hospital da sede do distrito.

Pelas 21h30 de ontem, o incêndio mobilizava ainda 217 operacionais e 70 viaturas de várias corporações de bombeiros dos distritos da Guarda, Lisboa, Viseu e Castelo Branco.

Os seis meios aéreos, que foram envolvidos para combater o fogo, foram desmobilizados com o cair da noite, adiantou a mesma fonte. Segundo uma fonte da Proteção Civil, o incêndio em mato não colocou habitações em perigo. 

O incêndio começou às 15h14 na localidade de Santo Estêvão.




Conteúdo Recomendado