Grupo de trabalho define principais projetos para revitalizar fronteira de Vilar Formoso

O grupo de trabalho constituído pelo Governo para revitalizar a fronteira de Vilar Formoso, definiu os principais projetos a concretizar até à abertura da ligação por autoestrada entre os dois países.

O Governo celebrou em julho, na Câmara Municipal de Almeida, um protocolo de cooperação para execução do Projeto Integrado de Intervenção – Reabilitação e Revitalização da Zona de Fronteira de Vilar Formoso, devido à construção do troço final da autoestrada A25 de ligação entre Vilar Formoso e a fronteira, e ontem, dia 29 de agosto, promoveu a primeira reunião com o grupo de trabalho responsável pela definição e concretização dos projetos.

No encontro, realizado no Centro de Desenvolvimento Transfronteiriço, em Vilar Formoso, no concelho de Almeida, participaram a secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, o secretário de Estado da Valorização do Interior, João Paulo Catarino, e o secretário de Estado das Infraestruturas, Jorge Delgado, entre outros responsáveis de entidades públicas.

No final da reunião, a porta-voz do grupo de trabalho, Ana Mendes Godinho, disse aos jornalistas que o encontro foi realizado no seguimento do compromisso do Governo em criar mecanismos “para que Vilar Formoso continue a estar no mapa” e continue a ser “um centro de passagem e, cada vez mais, de desenvolvimento económico”.

Segundo a secretária de Estado do Turismo, foi uma reunião “muito produtiva”, tendo sido identificados os projetos a desenvolver e o respetivo calendário de execução.

Ficou assumido que o Posto de Turismo será transformado na “sala de visitas de Portugal” e, em setembro, será lançado um concurso de ideias para o projeto que será realizado pelo Instituto do Turismo de Portugal.

A governante adiantou que ficou também assumido o compromisso da requalificação do Parque TIR, que “está em más condições”.

Por outro lado, será feita a ligação rodoviária de Vilar Formoso à autoestrada e colocada sinalética para que quem passe na autoestrada visite a vila.

Ana Mendes Godinho explicou que também irá ser desenvolvido, pelo IAPMEI – Agência para a Competitividade e Inovação, em articulação pela Câmara Municipal de Almeida, um centro de apoio às empresas e um espaço de apoio ao empresário.

O presidente da Câmara Municipal de Almeida, José António Machado, disse que o plano de intervenção do Governo para Vilar Formoso corresponde às intervenções previstas pela autarquia.

O autarca disse que é importante lançar os projetos o “quanto antes possível” para que as intervenções estejam realizadas “aquando da finalização dos trabalhos da ligação” da autoestrada A25 entre Vilar Formoso e a fronteira.

A segunda reunião do grupo de trabalho será realizada no dia 08 de novembro.

No dia 21 de maio, a Infraestruturas de Portugal consignou a empreitada de construção do troço final da autoestrada A25 de ligação entre Vilar Formoso e a fronteira, prevendo finalizar os trabalhos em agosto de 2020.

A empreitada representa um investimento de 13,2 milhões de euros e vai contribuir para a “melhoria da ligação rodoviária com a Europa”, segundo a empresa.




Conteúdo Recomendado