Governo vai reduzir preço dos combustíveis na fronteira

O ministro destacou a criação de «uma redução significativa» no preço dos combustíveis para transportadores de mercadorias em postos de gasóleo profissional.

O governo vai criar descontos para as transportadoras de mercadorias em postos de gasolina em três zonas de fronteira com Espanha e nas antigas SCUT do interior. No final de uma reunião com as associações que representam as empresas de transporte de mercadorias (a ANTRAM e a ANTP), que decorreu ontem, o ministro-adjunto, Eduardo Cabrita, disse que foi analisada a evolução dos preços dos combustíveis, tendo em conta uma primeira atualização do Imposto Sobre os Produtos Petrolíferos (ISP) em maio, adiantando que «se fosse hoje, haveria uma descida», mas que será feita uma avaliação «nas próximas semanas».
Contudo, o ministro destacou a criação de «uma redução significativa» no preço dos combustíveis para transportadores de mercadorias em postos de gasóleo profissional em três zonas do interior: na fronteira com Espanha, na zona de Elvas, Vilar Formoso e numa terceira a definir, no norte do país. Segundo Eduardo Cabrita, «estão por identificar quais os municípios em definitivo, mas teremos postos de abastecimento exclusivamente para transporte internacional de mercadorias, para veículos com uma dimensão superior a 35 toneladas, nos quais será eliminado o diferencial fiscal relativamente a Espanha».




Conteúdo Recomendado