GNR da Guarda detém homem por tráfico de droga após detetar vasos com canábis

O detido foi presente a primeiro interrogatório judicial, no Tribunal da Guarda, que lhe aplicou a medida de coação de termo de identidade e residência.

A GNR deteve um homem de 35 anos por suspeita de tráfico de droga após detetar vasos com canábis no interior da sua residência, no concelho da Guarda, foi hoje anunciado.

O Comando Territorial da GNR da Guarda refere, em comunicado, que o homem foi detido na sexta-feira, através do Núcleo de Investigação Criminal local.

Segundo a fonte, no âmbito de uma ação de patrulhamento preventivo, os militares, “através do exterior de uma moradia, verificaram [que] no seu interior existiam diversos vasos com plantas de canábis”.

“Das diligências realizadas resultou a identificação do proprietário das referidas plantas e a realização de uma busca domiciliária, onde foram apreendidas 45 doses de haxixe e sete plantas de canábis, em fase de crescimento”, refere a nota.

O detido foi presente a primeiro interrogatório judicial, no Tribunal da Guarda, que lhe aplicou a medida de coação de termo de identidade e residência.




Conteúdo Recomendado