GNR alerta para burla com falsos funcionários da Segurança Social

Se lhe baterem à porta para uma cobrança, desconfie e contacte as autoridades.

A Guarda Nacional Republicana (GNR) deixou, esta segunda-feira, na página de Facebook um alerta de burla com falsos funcionários da Segurança Social.
As autoridades recordam que a Segurança Social não se dirige a casa dos cidadãos para solicitar ou cobrar qualquer valor monetário ou outro valor pessoal e pede que, se lhe baterem à porta para uma cobrança desconfie e contacte a GNR.

Idosos, que vivem em zonas isoladas, são o principal alvo deste tipo de burla levada a cabo por indivíduos que se fazem passar por funcionários da Segurança Social, com o objetivo de furtar ou roubar “as poupanças de uma vida”.

Os métodos utilizados, relembra a GNR, passam por, de forma credível, bater à porta das vítimas, fazendo crer que existe uma dívida ou uma multa a ser cobrada ou, noutras situações mais ousadas, a dar conta de prémios que dependem do número de série de notas guardadas no interior da habitação levando, em ambos os casos, as vítimas a expor o dinheiro que têm em casa.




Conteúdo Recomendado