Covilhã recebe festival de cinema dedicado às questões intergeracionais

A Covilhã recebe entre quinta-feira e sábado o Festival de Cinema Silver, que conta com a exibição de filmes que transmitem imagens positivas dos mais velhos, bem como debates dedicados à questão das relações intergeracionais.

“Pretende-se com este festival levar o espetador a identificar-se, sentir emoções com situações do filme em cuja ação ele não pode intervir. Estas podem ser aproveitadas para refletir como corrigir e agir sobre a realidade”, refere a organização em nota de imprensa.

De acordo com a informação, esta primeira edição do festival visa ainda “promover uma atitude positiva relativamente ao envelhecimento” e contribuir para desfazer estereótipos que impedem as pessoas de encarar o envelhecimento com naturalidade”.

As sessões decorrem no auditório da Banda da Covilhã, contam com entrada livre e integram um debate que reunirá vários participantes, designadamente profissionais que trabalham com os mais velhos.

Com início marcado para as 21 horas, a primeira sessão contará com a exibição do filme “O Estagiário”, seguindo-se um debate moderado pela professora Assunção Vaz Patto.

No dia seguinte, às 17h30, realiza-se a sessão “Curtas e Tapas”, em que serão projetadas curtas-metragens no âmbito do projeto europeu Cinage e durante a qual serão servidas tapas.

No mesmo dia, às 21 horas, será exibido o filme “Uma História Simples”, de David Lynch, e o debate será moderado pelo professor Henrique Pereira.

A última sessão realiza-se no sábado, às 21 horas, e conta com a exibição do filme “Vou para Casa”, com Catherine Deneuve e John Malkovitch. O debate é moderado pela professora Maria Filomena Santos.

A organização é da Banda da Covilhã em parceria com o Núcleo de Estudantes da Universidade da Beira Interior e com o apoio da Câmara da Covilhã, da União de Freguesias da Covilhã e Canhoso, e da Universidade da Beira Interior.



Conteúdo Recomendado