Covid-19: Seia reabre museus, estádio, galerias de arte, auditórios e posto de turismo

“Em todas as situações é obrigatório o uso de máscara, a higienização regular das mãos e o cumprimento das normas de distanciamento social”.

O município de Seia reabriu os museus, o posto de turismo, o estádio municipal, as galerias de arte e os auditórios da Casa Municipal da Cultura, com limitações de entradas e regras de segurança.

A autarquia presidida por Carlos Filipe Camelo refere em comunicado que possibilita, desde segunda-feira, visitas ao Museu do Brinquedo, ao Museu Natural da Eletricidade e ao Centro de Interpretação da Serra da Estrela.

No mesmo dia, o município reabriu as galerias e os auditórios da Casa Municipal da Cultura, “com as devidas limitações de entradas e cumprindo-se as regras de segurança e de saúde que são transversais a todos os edifícios, em conformidade com as orientações da Direção-Geral da Saúde”.

O Posto de Turismo de Seia também reabriu, mas, segundo a nota, “pelo facto de se encontrar em obras, fará o atendimento no Museu do Brinquedo”.

Foi ainda estabelecida a abertura condicionada do Complexo Desportivo Quinta da Nogueira (Estádio Municipal), “permitindo a prática desportiva ao ar livre com regras de distanciamento físico e limitação reduzida”, indica a mesma autarquia do distrito da Guarda.

“Em todas as situações é obrigatório o uso de máscara, a higienização regular das mãos e o cumprimento das normas de distanciamento social”, lê-se.

O município lembra que, “em linha com as medidas de levantamento gradual de confinamento do Governo, e sem deixar de priorizar a prevenção contra a transmissão da pandemia da doença covid-19”, o seu presidente, Carlos Filipe Camelo, determinou as regras gerais para “a retoma progressiva da vida social e económica, com vista a iniciar a fase de recuperação e revitalização da economia”.



Conteúdo Recomendado