Covid-19: GNR encerra estabelecimento de restauração e bebidas no Sabugal

A GNR encerrou no concelho do Sabugal, no distrito da Guarda, um estabelecimento de restauração e bebidas que estava em funcionamento “com sete clientes no interior a consumir bebidas”, foi anunciado esta quarta-feira.

O Comando Territorial da GNR da Guarda refere em comunicado enviado à agência Lusa que o estabelecimento foi encerrado na terça-feira, por militares do Posto Territorial do Sabugal.

“No decorrer de uma ação de patrulhamento, os militares da Guarda verificaram que um estabelecimento de restauração e bebidas estava em funcionamento com sete clientes no interior a consumir bebidas, violando as normas em vigor para a contenção da pandemia e para a redução do risco de contágio da covid-19”, segundo a fonte.

No seguimento da fiscalização, a GNR identificou oito pessoas e elaborou os respetivos autos de contraordenação, sendo um por violação da suspensão de atividade de prestação de serviços em estabelecimento aberto ao público e sete por incumprimento ao dever geral de recolhimento domiciliário.

De acordo com as medidas impostas pelo estado de emergência face à evolução da situação epidemiológica do país, encontra-se proibido o consumo de refeições ou de produtos no interior, na porta ou nas imediações dos estabelecimentos de restauração, lembra a GNR.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.805.004 mortos no mundo, resultantes de mais de 128,1 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 16.848 pessoas dos 821.722 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.



Conteúdo Recomendado