Concurso de vinhos da Beira Interior com 79 vinhos de 28 produtores

Os prémios do 10.º Concurso de Vinhos da Beira Interior serão entregues durante um jantar de gala, agendado para o dia 08 de julho.

Setenta e nove vinhos de 28 produtores da Beira Interior participam no 10.º concurso de vinhos da região, a realizar na segunda e na terça-feira no café concerto do Teatro Municipal da Guarda, foi hoje anunciado.

O concurso é organizado pela Comissão Vitivinícola Regional da Beira Interior (CVRBI), pela Associação Empresarial da Região da Guarda (NERGA) e pela Associação Empresarial da Beira Baixa (AEBB).

Segundo a organização, a 10.ª edição conta com 79 vinhos a concurso, entre tintos, brancos, rosados, espumantes, certificados como DOC (Denominação de Origem Controlada) Beira Interior ou como Vinho Regional Terras da Beira, “das colheitas efetuadas entre os anos de 1999 a 2016”.

“Neste certame participam 28 produtores, sendo que cada participante pode apresentar a concurso até quatro vinhos, desde que obrigatoriamente um deles seja um vinho branco. Caso não seja apresentado qualquer vinho branco a concurso, o número máximo é de três vinhos por produtor”, assinalam os promotores em nota hoje enviada à agência Lusa.

O concurso de vinhos agendado para a cidade da Guarda, será realizado nos moldes tradicionais de “prova cega” e o júri convidado será composto por 15 especialistas na área e será presidido pelo crítico de vinhos Aníbal Coutinho.

Aos vinhos premiados no concurso da CVRBI serão atribuídas medalhas de ouro (aos vinhos classificados com 88 ou mais pontos), de prata (aos vinhos classificados com 85 pontos até 87,99 pontos) e ainda a grande medalha de ouro, para o melhor vinho da Beira Interior.

Os prémios do 10.º Concurso de Vinhos da Beira Interior serão entregues durante um jantar de gala, agendado para o dia 08 de julho, para os jardins do antigo solar Teles de Vasconcelos, na cidade da Guarda.

A CVRBI tem sede na Guarda e abrange as zonas vitivinícolas de Castelo Rodrigo, Pinhel e Cova da Beira, nos distritos de Guarda e de Castelo Branco, onde existem 54 produtores de vinho, sendo cinco adegas cooperativas e 49 produtores particulares.



Conteúdo Recomendado