Centro de Estudos Ibéricos promove seminário sobre Envelhecimento Ativo

No dia 19 de outubro, realiza-se no Auditório do Paço da Cultura, na cidade da Guarda, o seminário “Envelhecer no Lugar”.

No dia 19 de outubro, sexta-feira, o Centro de Estudos Ibéricos (CEI) promove o seminário “Envelhecer no Lugar”, a decorrer durante todo o dia, no auditório do Paço da Cultura.

A iniciativa tem início marcado para as 10 horas e visa dar a conhecer os resultados do estudo “Iniciativas de Ageeing in Place – Valorizar e Divulgar”, trabalho galardoado na modalidade “Investigação” do projeto CEI – Investigação, Inovação e Território (CEI-IIT 2017).

O estudo é da autoria de António Manuel Godinho da Fonseca, psicólogo e professor na Universidade Católica Portuguesa e centra-se no levantamento de experiências inovadoras e boas práticas de coesão social, designadamente, no que respeita ao combate ao isolamento e à promoção da inclusão social dos cidadãos mais velhos nas respetivas comunidades, valorizando o que é habitualmente designado por “ageing in place” (“envelhecer na comunidade”), como refere uma nota da organização.

O Seminário contará ainda com a intervenção de Manuel Teixeira Veríssimo, professor da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra, um dos mais conceituados especialistas no tema do Envelhecimento Ativo.

Na segunda parte do seminário, serão apresentados casos práticos e experiências locais.

O Prémio CEI-IIT (CEI – Investigação, Inovação & Território) tem por objetivo distinguir trabalhos, projetos de investigação e outras iniciativas que revistam uma dimensão inovadora, contribuam para divulgar estudos, experiências e boas práticas que concorram para reforçar a coesão, a cooperação e a competitividade dos territórios fronteiriços e de baixa densidade

Para realizar a inscrição, aqui.

 

Programa

10 horas – Entrega de documentação

10h15 – Sessão de Abertura

10h30 – Boas Práticas de Ageeing in Place na Beira Interior: Divulgar e Valorizar – Doutor António Godinho da Fonseca

11h30 – Envelhecimento: uma conquista que também é um desafio – Prof. Doutor Manuel Teixeira Veríssimo

12h30 – Almoço livre

14 horas – Apresentação de casos práticos e experiências locais

16 horas – Mesa Redonda

17 horas – Encerramento

 




Conteúdo Recomendado