Álvaro Amaro nas Comissões Parlamentares de Política Agrícola e de Coesão

O ex-Presidente da Câmara Municipal da Guarda foi eleito membro da Comissão da Agricultura e do Desenvolvimento Rural (AGRI) e da Comissão do Desenvolvimento Regional (REGI).

Álvaro Amaro ocupará assim lugar nas duas comissões parlamentares responsáveis pelas políticas que mobilizam a maior parte dos Fundos da União Europeia: Política Agrícola (PAC) e de Coesão.

O eurodeputado do PSD acompanhará, entre outros dossiês, o novo quadro institucional e orçamental da agricultura europeia (pós 2020)- no momento em que está em cima da mesa a reforma da PAC e a resposta política aos desafios atuais, com particular enfoque nas alterações climáticas, na qualidade e segurança dos alimentos produzidos e a aposta na renovação geracional. O eurodeputado social-democrata lembra a importância de uma defesa incisiva e pertinente dos interesses estratégicos da agricultura portuguesa junto das Instituições Europeias, principalmente “porque vai estar em causa a reforma da PAC, no âmbito do novo Quadro Financeiro Plurianual”.

Paralelamente, o eurodeputado português acompanhará a aplicação e a evolução da Política Regional, cuja dotação atinge cerca de um terço do orçamento total da UE, particularmente a regulamentação relativa aos Fundos Estruturais e de Investimento e a sua utilização pelo nosso país na busca de uma maior coesão territorial, económica e social.

Enquanto membro suplente da REGI, Álvaro Amaro lembrou que é prioritário para a União Europeia continuar a apostar no “desenvolvimento regional e numa maior coesão territorial, com particular incidência nos territórios de baixa densidade”.

Fica assim definido o seu campo de atuação para o mandato em curso, em vésperas da constituição das comissões, com a eleição, já esta semana, dos Presidentes e Vice-Presidentes para os próximos dois anos e meio.



Conteúdo Recomendado