ADoT recebe menção honrosa no concurso “Novas Fronteiras da Engenharia”

A Associação Desenvolver o Talento (ADoT), com sede nacional na cidade da Guarda, foi distinguida com uma Menção Honrosa pelo trabalho apresentado e pela qualidade da maquete.

No âmbito das atividades de robótica promovidas pela Associação Desenvolver o Talento (ADoT), os jovens Miguel Oliveira, João Botelho e Simão Rocha, orientados por Carlos Martins, participaram no Concurso “As Novas Fronteiras da Engenharia”, promovido pela Ordem dos Engenheiros, Região Centro.

O prémio distinguiu o melhor trabalho da autoria de um aluno ou grupo de alunos do Ensino Secundário ou do Ensino Básico, relativo a Engenharia ou Tecnologia, de Instituições localizadas na Região Centro, distritos de Coimbra, Aveiro, Leiria, Viseu, Guarda e Castelo Branco.

Os jovens da ADoT foram distinguidos com uma Menção Honrosa “pelo excelente trabalho apresentado e pela qualidade da maquete”, informa fonte da Associação.

O Prémio “As Novas Fronteiras da Engenharia” tem como objetivo fomentar a discussão e o interesse dos alunos por temas relativos à Engenharia ou Tecnologia, durante a sua formação básica, sendo avaliada a originalidade e criatividade, o rigor, a apresentação e a clareza de exposição.

A entrega do prémio e apresentação do projeto decorreu em sessão pública no auditório “Adolfo Roque” na sede da Região Centro da Ordem dos Engenheiros, em Coimbra, no passado dia 26 de setembro. O projeto, subordinado ao tema “Cidades Inteligentes”, teve como mote a preocupação e inquietação dos jovens com o meio ambiente.

Na ocasião, os jovens tiveram a oportunidade de estarem presentes na inauguração da Exposição “Engenhos do Espaço – Mostra de alguns Artefatos da Era Espacial”, uma mais valia de aprendizagem, uma vez que puderam trocar impressões com Rui Moura, autor principal da exposição.




Conteúdo Recomendado