O Regresso da Economia da Depressão e a Crise Actual

Sinopse
Paul Krugman, consagrado em 2008 com o Prémio Nobel da Economia, escreveu a presente obra em 1999, com o título The Return of Depression Economics. Volvidos nove anos e face ao panorama económico mundial, o ilustre professor de economia considerou imprescindível actualizar o que já se tinha tornado um clássico e introduzir alterações mais próximas da realidade. Através de uma edição revista e actualizada, o leitor tem assim acesso a uma visão esclarecida e panorâmica, sustentada em múltiplos e diversificados exemplos a partir de um vasto leque de dados informativos. Krugman, com as ferramentas que possui, contextualiza o problema, tira-lhe uma radiografia e por fim, apresenta uma solução para a sua erradicação. Uma das constatações mais impressionantes do Nobel consolida-se na sua afirmação de que é possível originar-se uma depressão, mesmo quando a economia se apresenta sólida. Para que possamos ultrapassar o flagelo, o livro indica o caminho a seguir para controlar os efeitos da crise, evitar uma recessão ainda mais profunda e regenerar a economia mundial. Traçando um paralelismo entre a crise actual e a Grande Depressão dos anos 30, do século XX, o autor termina por explicar o que entende por Economia de Depressão e analisa as diversas atitudes possíveis face à crise, estabelecendo um conjunto de recomendações para a ultrapassar, tais como “ajudar os pobres”, “proteger os ricos” e não ser dominado pelo “orgulho e preconceito”.

 

 

 

Autor(es): Paul Krugman

Edição: Editorial Presença

Outros Conteúdos
Acompanhe toda a atualidade da Região! Subscreva a nossa newsletter.