Câmara Municipal de Seia

Elevada à categoria de cidade a 3 de Julho de 1986, Seia é hoje uma cidade em expansão, apostando numa forte dinamização cultural e do turismo da região.

Apresentação

Oppidum Sena, antiga cidade de Sena, hoje Seia, foi fundada há 2400 anos pelos Túrdulos. Durante muito tempo foi dominada pelos árabes, sendo definitivamente conquistada por D. Fernando Magno em 1055, que mandou edificar o seu castelo.

Em 1132 D. Afonso Henriques fez a doação de Seia ao seu valido João Viegas por reconhecimento dos serviços prestados. Quatro anos depois, o primeiro rei de Portugal atribuiu a Seia o seu primeiro foral, designando-a por Civitatem Senam (Cidade de Seia), albergando na altura no seu perímetro meia dúzia de pequenas povoações circunvizinhas.

Data de 1510 a outorga do segundo Foral Novo, por D. Manuel I, sendo já o concelho composto pelos lugares de Passarela, Lages, Folhadosa, Pinhanços, Santa Comba, Sameice e outros pequenos casais.
No séc. XIX o concelho viria a conhecer um substancial alargamento com a agregação de importantes concelhos tais como Alvôco da Serra, Loriga, Vila Verde, Santa Marinha, Sandomil, São Romão, Valezim, Vide, Vila Cova à Coelheira e Torroselo.

No início do séc. XX o concelho estava então constituído por um novo quadro administrativo com 29 freguesias e cerca de 115 pequenas povoações.

Outras Informações

Situado na vertente ocidental da serra da Estrela, o concelho de Seia é formado por 21 freguesias (115 localidades), ocupa uma área de 436 km2, pertence administrativamente ao distrito da Guarda e, segundo os censos de 2011, tem uma população de 24.641 habitantes.

Horário: De segunda a sexta-feira, das 9h às 17 horas.



Conteúdo Recomendado

Acompanhe toda a atualidade da Região! Subscreva a nossa newsletter.