De 24 a 26 de agosto, decorre em Almeida a anual recriação histórica do “Cerco de Almeida”, destacando-se as recriações históricas do ano 1810, um seminário internacional, um mercado oitocentista e animação de época.

Recriação histórica do “Cerco de Almeida”

Início: 2018-08-24 09:00:00
Fim: 2018-08-26 19:00:00
Local do Evento: Almeida
Entidade Promotora: Município de Almeida

Nos dias 24,25 e 26 de agosto, o município de Almeida volta a viajar no tempo, apostando em mais uma edição da recriação histórica do “Cerco de Almeida”, que tem como principal objetivo reconstituir os acontecimentos históricos ocorridos em 1810, altura da III invasão francesa ou Guerra Peninsular.

Esta reconstituição histórica é organizada pela Câmara Municipal de Almeida e pelo Grupo de Reconstituição Histórica do Município de Almeida e transporta os visitantes para os acontecimentos ocorridos em 1810 com a III invasão francesa que abordou o território nacional por Almeida.

A Fortaleza de Almeida constituía um sério obstáculo à progressão das tropas francesas, pois a sua estrutura era capaz de suportar um cerco prolongado.

O exército anglo-luso contava com o seu valor defensivo, pelo que a praça recebeu obras, reforços humanos e materiais para ganhar o tempo necessário no sentido de preparar as operações de defesa subsequentes, mas uma violentíssima explosão no seu paiol principal, a 26 de agosto de 1810, levou à sua capitulação.

As atividades que anualmente assinalam o cerco da antiga praça-forte de Almeida, construída nos séculos XVII e XVIII, atraem muitos visitantes nacionais e estrangeiros, nomeadamente espanhóis, ingleses, dinamarqueses, franceses, dos países de leste e do norte da Europa.

“O cerco de Almeida é uma marca consolidada. Vamos ter um fim de semana com muita gente para animar a economia local e a restauração da vila e também da região”, refere o responsável.