Município de Gouveia e Instituto de Habitação e de Reabilitação Urbana assinam protocolo de colaboração

A autarquia e o Instituto de Habitação e de Reabilitação Urbana (IHRU) vão assinar um protocolo no âmbito do programa “Reabilitar para Arrendar – Habitação Acessível”, na próxima terça-feira, dia 21 de fevereiro, pelas 21 horas, na Biblioteca Municipal de Gouveia.

O protocolo será assinado pelo Presidente da Câmara Municipal de Gouveia e pelo Presidente do Conselho Diretivo do Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana, Víctor Reis.

O novo programa “Reabilitar para Arrendar – Habitação Acessível” tem por objetivo o financiamento de operações de reabilitação de edifícios com idade igual ou superior a 30 anos. Após a reabilitação, os edifícios devem ter por uso  predominantemente o fim habitacional, devendo as frações destinar-se a arrendamento em regime de renda condicionada.

O financiamento é realizado através de um empréstimo que pode ascender a 90% do custo da operação com uma maturidade até 15 anos (180 prestações mensais). A taxa de juro é fixa, durante todo o período de amortização, cujo valor neste momento é de 2,9%. O financiamento tem 6 meses de carência de capital após o termo das obra, podendo ainda haver um adiantamento até 20% do valor do empréstimo.

O Município de Gouveia está empenhado em promover a reabilitação urbana do seu centro histórico, nomeadamente de imóveis antigos que estejam degradados, acompanhando os proprietários nos processos de licenciamento dos imóveis a reabilitar.

A reabilitação das áreas urbanas antigas, especialmente nos centros históricos, consiste num grande incentivo para todas as entidades, sejam públicas ou privadas, tendo como objetivo revitalizar os centros urbanos, colaborando para a dinamização e valorização económica de modo a poder auxiliar o acesso das famílias à habitação contribuindo desta forma para a criação de emprego e dinamização do mercado do arrendamento.



Artigos Relacionados / Pub